Como participar em Confesso que Vivi


Como participar em Confesso que Vivi

No passado domingo, dia um de Setembro, estreou mais um quadro de O Melhor do Brasil, o emocionante Confesso que Vivi. Mais uma vez apresentado por Rodrigo Faro, este quadro pretende encontrar histórias de vida surpreendentes e dar a elas um final feliz. O Confesso que Vivi pretende reencontrar pessoas que se separaram ou perderam o contato com a família ou amigos. O público acompanha a procura dessa pessoa, e no final dá-se o reencontro dessas famílias ou amigos separados, no palco. É um quadro bastante emociante, que mais uma vez tenta ajudar as famílias brasileiras. De seguida, em umComo.com.br, mostramos-lhe como participar em Confesso que Vivi.

Foto: tvfoco.pop.com.br

Instruções
  1. Se tem algum familiar ou amigo que gostava de reencontrar, siga os seguintes passos para se se inscrever no quadro Confesso que Vivi.

  2. Acesse ao site oficial da rede Record e entre no separador "Programas". Vá a "Shows" e clique em "O Melhor do Brasil". Nesta nova página, entre no separador do menu "Quadros". Procure na lista o quadro Confesso que Vivi e pressione o botão "Inscreva-se". Ou então, clique aqui e aceda diretamente à página de inscrição.

  3. Agora terá de preencher o formulário de inscrição. Neste formulário todos os campos são de preenchimento obrigatório, pelo que se não os preencher todos não conseguirá enviar a sua inscrição. Os dados solicitados são o nome, a data de nascimento, o e-mail, o estado, a cidade, os contatos telefônicos, o endereço e o CEP. Terá ainda de fazer o upload de uma foto da pessoa que pretende reencontrar e escrever a sua história.

  4. Depois de ter o formulário preenchido, basta clicar no botão "Enviar". Agora terá apenas de aguardar pelo contacto da produção.

  5. Se deseja ler mais artigos parecidos a como participar em Confesso que Vivi, recomendamos que entre na nossa categoria de Televisão ou que se inscreva no nosso boletim de novidades.
Necessita
  • Internet.

Comente, dê a sua opinião, pergunte sobre como participar em confesso que vivi:


196 comentários


20-12-2014 disse:
ola Rodrigo, eu sou ismaelson vizinho de dona Luzia, gostaria muito que voce conhecesse um pouco de sua historia. Mae de cinco filhos viúva, perdeu dois filhos de forma trajica, inclusivo seu esposo afogado e por fim ainda com dor da perca quando se recuperava de uma cicatriz em um dedo ao sair para pegar lenha, relata ter pisado em um osso de cobra. Devido a dificuldade ao conhecimento e ao acesso a cidade, só depois de 10 dias procurou um hospital com a ajuda de amigo, que chegando lá, após alguns dias foi submetida a cirurgia que amputaria a sua perna, e para sua tristeza a amputação sim aconteceu, ela também tem diabetes toma insulina todo dia, tem pressão alta o dinheiro que ganha mau dá pra pagar seus remédio, as vezes falta ate alimentos. Pois o que ela mais quer é uma perna mecânica para se locomover. POR FAVOR A SUA AJUDA É INDISPENSAVEL POIS ELA PRESCISA MUITO. DESDE DE JÁ AGRADECEMOS, QUE DEUS TE ABENCOE.
19-12-2014 disse:
rodrigp mechamo adriana aparecida da costa prucuro minha filha que foi tirada de mim na epocafoi tirado de casa com 2anos e 11 mese ela se chama bruna aparecida da costa eu erra usuaria de entorpese te agora estou liberta e nao consigo achar minha filha pufavor rodrigo me ajuda so quero dizer o quanto eu amo
15-12-2014 disse:
oi rodrigo eu me chamo jerlane tenho 23 anos tenho uma filha de2 anos estou aqui te pedindoo uma ajuda sua por favo me ajude a realiza um sonho de trabalhar para mim mesma pelo o amor de Deus me ajude rodrigo eu moro em jequie ba rua washitgon navarro pinto eu tenho certeza q vc vai me ajudar eu tenho fe em deus e vc
14-12-2014 disse:
Ola! bom dia. Rodrigo gostaria muito de conhecer o meu pai, tenho 32 anos e não o conheço, a minha mãe nunca quis falar deste assunto em casa, só vim saber o nome dele a cerca de 2 anos atraz e é tudo que sei, não tenho foto dele, não conheço ninguem da minha familia por parte de pai. Por favor ajuda-me.
06-12-2014 disse:
escrever para o convesso que vivi e muito bom mai s saber vuovem rodrigo faro muito especiel mim sem que dar histooria minha
05-12-2014 disse:
rodrigo queria muito que você realizasse o sonho da minha mãe que é poder reencontrar o filho dela que foi tirado dos braços dela quando estava saindo da maternidade hoje sabemos que ele mora na Alemanha mais minha mãe não tem condições de ir até ele rodrigo pra ser sincera minha mãe não é feliz pois sabemos que ela não tem um pedaço dela e que esse pedaço foi tirado brutalmente só de pensar que ela não pode nem amamentar o seu próprio filho que não pode dar seu primeiro banho que não viu os primeiros passos não viveu nada sobre o próprio filho fico muito triste pois sei que ela só vai ser uma mulher realizada quando tiver com a família dela completa e para isso falta meu irmão que nem tive o prazer de conhecer só por foto que através de uma mulher que se comoveu com a historia da minha mãe trouxe uma foto mais é só isso que temos rodrigo eu te peço por favor promove esse encontro com minha mãe e meu irmão será nosso maior sonho muito obrigado rodrigo que deus abençoe você sua família.
03-12-2014 disse:
Ola rodrigo faro,meu nome é Maycom azevedo,tenho 23 anos,e gostaria muito de rever minha mae,que esta desaparecida a mais de 1 ano,ela é usuaria de drogas e um dia acordou e se despediu de mim,e de minhas irmas,mais novas,fico preocupado,querendo saber se ela esta bem,viva,hoje eu minhas irmas estamos sosinghos no mundo,tivemos uma infancia muito triste,entao peço a vc e seu programa que leiam esse meu pedido,apelo,eu moro em minas gerais !por favor me ajuda.que deus com sua infinita bondade possa iluminar vc para que me ajude
01-12-2014 disse:
oi meu nome e diego rodrigo venho pedir a vc um minuto de atenção vou contar a historia da minha mae eu queria dar uns dia de alegria para minha mae e minha avó por ficar 56 anos separadas a gente so se encontrou este ano umas duas vezes mas esta difícil de a gente se ver por condições financeira queria dar este presente a elas ahh a minha mae foi rapitada com 8 meses sendo q a mae adotiva não queria avisar que ela era adotada mas quando ela estava bem doente ela decidiu avisar para minha mae que era adotada e depois de uns dia ela veio a falecer então rodrigo e isso ti pesso que esse desejo seja realizado obrigado pela atencao
01-12-2014 disse:
Rodrigo gostaria de encontrar a mãe de amiga minha JOSILEIDE GOMES DA SILVA Ela nasceu em Vitória de Sto Antão PE.Desde ai,o pai largou da mãe ela tinha 4 anos e vieram com os outros irmãos menores que ela para o est. de SP. Hoje ela está com 46 anos e não lembra nada se sua mãe.Tem muita vontade de saber dela,sente muito,chora não sabe se a mãe passa fome,como ela é.O nome da Mãe é ARLETE GOMES DA SILVA.Ela fala que o pai falava muito de RECIFE,CARUARU então pode até estar por la.Ele teve uma filha com a Madrasta dela a menina se chama JOSILAINE DA SILVA,que voltou com eles para Aracajú. Deixando os outros filhos aqui. O Pai dela se chamava Jose Severino da Silva,hj ja falecido, a madrasta se chama,Josefa da Silva.Rodrigo peço encarecidamente olhe para este caso,não deixe minha amiga nessa agonia de tantos anos.Muito,muito obrigada.
01-12-2014 disse:
Gostaria de participar do programa confesso q vivi, reecontrar uma irma ,q nunca a vi pq quando nasceu em Sta,Vitoria do Palmar ,minha mae a deu , era uma menina. eu era mto pequena ñ sei mto sobre a estória,ela nasceu e minha mae como tinha mtos filhos e viuva ,ñ tinha condiçoes de cria-la, e a deu a um casal q o senhor trabalhava na CEEE de Sta.Vitória do Palmar,esse senhor se chamava Luis Motta, a senhora ñ sei o nome , Luis Motta irmao de Geronimo Motta,a menina até onde eu sei o nome dela seria Fatima,ñ sei se o nome continua o mesmo, Luis Motta e Geronimo Motta sao da cidade de RIO GRANDE -RS.É td q sei gostariamos mto de encontrar essa irma ,também ñ sei se ela sabe a verdade....hj minha mae ja é falecida,por isso ñ sei mais detalhes...desde ja agradeço se for atendida,o meu maior desejo é conhece-la...Abraços obg..bjo
Vídeos em destaque
DIY Desenhos de natal Aulas de Matemática Experiências