Como fazer tinta que brilha no escuro

Como fazer tinta que brilha no escuro
Imagem: tricotados.com

Quem gosta de artes e pintura, brincadeiras com tinta ou artesanato, não pode deixar de pensar na quantidade de coisas que dá pra fazer com a tinta que brilha no escuro. E olha que nem é tão complicado fazê-la. Por isso, neste artigo, umComo te ensina como fazer tinta que brilha no escuro, lembrando que você precisará apenas comprar alguns materiais, como o pó ou cristal fosforescente, luz negra e corantes.

Vai precisar de:
Passos a seguir:
1

O primeiro passo é escolher o material fosforescente, que pode ser o pó ou ou cristal, e comprá-lo em lojas de artesanato, físicas ou on-line. É mais provável que você encontre este tipo de material na internet, do que numa loja de artesanato simples. As diferenças entre estes dois tipos de materiais são:

  • Pó fosforescente: O pó tem a vantagem da facilidade de manuseio, além de ser mais fácil de misturá-lo com a tinta, ele proporciona uma mistura mais homogênea. No entanto, ele brilha menos que os cristais fosforescentes.
  • Cristais fosforescentes: Brilham mais, mas é mais difícil trabalhar com este material, pois eles formam pequenas pelotas na tinta, e dependendo do uso que você quer dar para ela, os cristais podem não ser apropriados.
Imagem: vogue.it
2

Escolha a tinta a ser misturada com o pó, você pode escolher tintas coloridas, desde que sejam à base de óleo, ou misturar o pó com gel acrílico - neste caso, a tinta será invisível na luz do dia, e só poderá ser vista no escuro, brilhando.

3

Separe uma tigela e despeje o pó numa proporção de uma parte de pó para cada cinco partes de tinta. A tinta deve ser despejada aos poucos e misturada, o importante é deixar uma mistura homogênea, já que a o pó não se dissolve na tinta. Apenas tente não deixar caroços.

4

Importante: A tinta deve ser utilizada no mesmo momento em que é feita, ou seja, não pode ser guardada/armazenada. Por isso, procure fazer apenas o que vai utilizar por um período de até uma hora.

5

Caso você não possua o pó fosforescente ou não tenha conseguido comprá-lo, existem formas de fazer a tinta que brilha no escuro com materiais mais comuns do dia a dia. Para isso, você precisará de uma caneta marca-texto atóxica e mais alguns ingredientes.

6

Primeiro, abra as canetas marca-texto atóxica - talvez seja preciso quebrá-la - e retire o tubo onde a tinta fica armazenada. A seguir, esvazie-os dentro de um pote ou tigela, sorvendo a tinta, usando as mãos ou água, o que for mais prático. O marca-texto deve ser do tipo que brilha sob luz negra. Dependendo da quantidade, você precisará de mais de um marca-texto.

7

A base deve ser feita com amido de milho, numa baixa proporção, de uma parte de amido para uma parte de água. É natural que a mistura fique "rala", pois é exatamente isso o que queremos.

8

Misture o amido e a tinta marca-texto até que o amido se dissolva e a mistura torne-se homogênea. A seguir, é hora de misturar os corantes. Considere, se for o caso, separar o amido de milho em vários potes pequenos para misturar com cada corante, assim, você obtém varias cores da tinta que brilha no escuro. Veja também:

  • Como fazer tinta fluorescente
  • Como fazer tinta Neon
  • Quais são as cores quentes

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como fazer tinta que brilha no escuro, recomendamos que entre na nossa categoria de Arte e artesanato.

Conselhos
  • Deixe a tinta fora do alcance de crianças pequenas que podem ingerir o seu conteúdo.
  • O pó fosforescente é seguro, no entanto, jamais deve ser ingerido por qualquer via. A sua composição tem elementos potencialmente tóxicos para o corpo de uma criança ou adulto quando inalado ou ingerido, além dos compostos da própria tinta que misturamos. Fazer tinta fosforescente não é um projeto bacana para envolver crianças.
  • No caso da tinta caseira, se a caneta marca-texto utilizada for atóxica, é possível passá-la na pele se quiser, mas evite ingeri-la.