Partilhar

Como morreu Houdini

Como morreu Houdini

Harry Houdini foi um dos maiores ilusionistas da história e, ainda hoje, depois de quase 90 anos de seu falecimento, continua sendo considerado uma lenda. Seus truques de escapismo impressionaram o mundo inteiro, e ainda hoje, muitas de suas variantes são praticadas por centenas de mágicos. No entanto, esta grande promessa da mágica morreu jovem, aos 52 anos, em circunstâncias polêmicas para alguns. Sabe como ocorreu? Em umCOMO lhe contamos como morreu Houdini.

Também lhe pode interessar: Como dobrar uma colher

Primeiros anos de Houdini

Erik Weisz nasceu na Hungria em 1874, em uma família judia. Seu primeiro contato com a mágica ocorreu quando tinha 9 anos, quando seu pai o levou para ver o espetáculo de um mágico viajante que o impressionou tanto que, com tão pouca idade, decidiu fazer seu primeiro show de mágica junto com outras crianças, com truques de contorcionismo e equilíbrio em um trapézio.

Aos 13 anos sua família emigrou para os Estados Unidos, à grande Nova Iorque, onde o adolescente continuou estudando mágica. Durante a sua formação como mágico, conheceu duas de suas maiores influências, o livro As memórias de Robert Houdin, um ilusionista francês de quem receberia o sobrenome, e Harry Kellar, um famoso mágico norte-americano que daria nome a este grande escapista.

Como morreu Houdini - Primeiros anos de Houdini

Os truques de escapismo de Houdini

Harry Houdini não só era um mágico e um ilusionista. Era também um estudioso da mágica em geral. Conhecia profundamente esta profissão o que lhe permitiu converter-se em um mágico lendário, especialmente no escapismo. Houdini conseguia sair de caixas fortes fechadas, liberar-se de correntes dentro da água e livrar-se de qualquer tipo de algema, o que o converteu no ilusionista mais famoso de sua época.

A metamorfose foi, sem dúvida, seu truque mais conhecido. Nele, Houdini era amarrado e depois colocado em um saco, e posteriormente, era introduzido em um baú devidamente acorrentado e fechado. Graças à ajuda de uma assistente a cortina descia durante alguns segundos, e quando levantava, Houdini aparecia fora, e em seu lugar dentro do baú, aparecia a sua assistente muito bem amarrada.

Este foi um dos seus truques mais famosos e repetidos durante a sua carreira, atingindo tal popularidade que ainda hoje continua sendo apresentado por mágicos do mundo inteiro. Liberar-se de algemas em qualquer tipo de palco, escapar de camisas de força e de qualquer tipo de ataduras, converteu-se na especialidade deste grande mágico, que em cada viagem sempre contava com centenas de espectadores.

Como morreu Houdini - Os truques de escapismo de Houdini

Como morreu Houdini

Harry Houdini morreu jovem, aos 52 anos de idade, em circunstâncias que pareceram muito estranhas para muitos, porém, não passaram de um acúmulo de coincidências.

Este ilusionista mantinha uma grande condição física, presumindo de uma boa força e resistência. Por isso, em outubro de 1926 após uma apresentação em Montreal, um grupo de estudantes se aproximou dele desafiando-o a receber alguns golpes no abdômen para provar a sua força. Houdini aceitou, mas o primeiro golpe, desferido pela mão de um boxeador universitário, o acertou sem estar preparado. E mesmo conseguindo ganhar o desafio, os golpes lhe trouxeram uma grave consequência: seu apêndice, inflamado por uma apendicite, acabou piorando mais rapidamente, convertendo-se em uma peritonite.

Em poucos dias, depois de sofrer dores e febre, Houdini acabou desmaiando em uma atuação. Depois de ser hospitalizado o ator morreu no dia 31 de outubro de 1926.

Como morreu Houdini - Como morreu Houdini

A morte de Houdini e o código secreto

Além de ser um grande ilusionista, Houdini lutava com força contra os espiritistas, a quem considerava uns ladrões que se encarregavam de enganar às pessoas e brincar com seus sentimentos. Durante muitos anos se empenhou em desmentir seus truques e em escrever sobre seus vários enganos.

E para comprovar, inclusive depois de sua morte, que não se tratava mais que de um grupo de charlatões, Houdini criou um código composto por 10 palavras que só sua mulher sabia. Disse a ela que se efetivamente os espíritos do além podiam se comunicar com os vivos, ele o faria com sua mulher usando este código.

Durante 10 anos muitos espiritistas tentaram estabelecer contato com o mágico, afirmando que o faziam, embora sua esposa jamais tenha recebido o código. Depois de uma década de espera decidiu não realizar mais sessões de espiritismo.

Em honra a Harry Houdini, dia 31 de outubro de cada ano, muitos mágicos ao redor do mundo realizam sessões para chamar seu espírito.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como morreu Houdini, recomendamos que entre na nossa categoria de Trabalhos Manuais e Tempo Livre.

Escrever comentário sobre Como morreu Houdini

O que lhe pareceu o artigo?
4 comentários
Toninho
Eu acho que ele vacilou, misturando ilusionismo, e criticas ao espiritismo. Que além de sobre natural. Deve muito ser respeitados. Cultivados ao tratamento de evoluções da humanidade e espiritualidade.
Lele
Nossa eu assistir o filme dele e a mulher dele n era flor que se cheira-se ela beijou outro homem *.*
lari Larissa
interessante muito importante tem um programa dele na televisão
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Lari, é estreou faz pouco tempo. Muito obrigada pelo seu comentário e continue acompanhando a nossa página :)
Márcia
Coincidência ou não,o dia das bruxas é comemorado na data de sua morte.
milena
kkk no meu aniversário tbm..
Lele
Kkkk,verdade

Como morreu Houdini
1 de 4
Como morreu Houdini

Voltar ao topo da página