Assistir a festivais de Música

Eurovisión: o que é e por que se celebra

 
Juliana Ribeiro
Por Juliana Ribeiro. 13 março 2023
Eurovisión: o que é e por que se celebra

Todo Maio chega às nossas telas o Festival Eurovisión, um concurso onde a música é a protagonista. Nesta competição, 25 países são representados por seus artistas para ganhar o prêmio Eurovision Song Contest. Este é um dos eventos não esportivos com maior público do mundo e o concurso superou toda e qualquer barreira geográfica. A seguir, no umCOMO explicamos Eurovisión: o que é e por que se celebra, um dos concursos de música que mais movimenta as nações e gera a maior expectativa do mundo.

Também lhe pode interessar: O que é o funk ostentação
Índice
  1. O que é o Eurovisión
  2. Por que o Eurovisión é celebrado
  3. Como é escolhido o representante de cada país no Eurovisión
  4. Como é escolhido o vencedor no Eurovisión

O que é o Eurovisión

O Eurovisión realizou a sua primeira edição em 1956 em Lugano, na Suíça, organizada pela European Broadcasting Union (EBU) com o objetivo de realizar um concurso internacional musical. Desde o seu lançamento, o Eurovisión tem sido realizado ano após ano no país que venceu a edição anterior. Este concurso é realizado entre os países membros ativos da UER, embora ao longo dos anos tenha sofrido algumas mudanças e hoje possamos ver novos participantes que não são da Europa, como a Austrália.

Mas, para muitos, o Eurovisión é muito mais do que um concurso de canto onde cada país participante apresenta uma música e um artista como representante, algo que para muitos é o mais emocionante. Após a apresentação da música ao vivo no dia do concurso, são emitidos os votos, onde cada país pode determinar qual é a música mais popular e a merecida vencedora da nova edição do Eurovisión.

Além disso, é um dos concursos televisivos mais assistidos no mundo, sendo o evento não esportivo que conta com uma audiência entre 100 e 600 milhões de pessoas, tanto na Europa como internacionalmente, uma vez que a Eurovisión é transmitida em muitos outros países como Argentina, Brasil, Canadá, China, Colômbia, Egito, Japão, Jordânia, México, Filipinas, Taiwan, Uruguai, Venezuela e Estados Unidos, entre outros.

Eurovisión: o que é e por que se celebra - O que é o Eurovisión

Por que o Eurovisión é celebrado

O Festival Eurovisión musical é um concurso baseado no Festival de Sanremo e foi uma ideia concebida pelo ex-presidente da European Broadcasting Union, Marcel Bezençon, com o objetivo de unir povos e nações através de musicais e levar a música europeia ao mundo.

A primeira edição foi celebrada em Lugano, na Suíça, e contou com a participação de 7 nações. Porém, após o sucesso do primeiro ano do festival e seu progresso edição após edição, as regras, a exigência e o nível de participação mudaram até se tornar um Festival com mais de 40 nações europeias participantes. Com o avanço da tecnologia, o concurso se expandiu internacionalmente e hoje conta com a participação de países internacionais como Azerbaijão, Armênia, Austrália ou Georgi, por isso atualmente a participação no Eurovisión não é determinada pela inclusão geográfica dentro da Europa, como o prefixo do nome do festival Eurovisión indica.

Algumas bandas ficam famosas após a participação no Eurovisión, descubra Quais são as melhores bandas de rock da história.

Como é escolhido o representante de cada país no Eurovisión

Em cada país é utilizada uma metodologia, por exemplo, o representante do Eurovisión na Espanha é escolhido através de um concurso prévio chamado Benidorm Fest. Neste festival, 18 artistas previamente escolhidos apresentam a sua canção do Eurovisión e são colocados em votação cujo vencedor será automaticamente o representante, juntamente com a sua canção, da Espanha na Eurovisión.

Os artistas que se apresentam no Benidorm Fest passaram por uma pré-seleção, onde já mostraram a sua candidatura e a música com a qual querem participar. Posteriormente, são realizadas uma cerimônia de abertura, duas semifinais e uma grande final. Na primeira semifinal se apresenta o primeiro grupo de 9 candidatos e na segunda semifinal os 9 restantes. De todos eles, 8 serão escolhidos para ir à grande final onde os votos do júri e do público serão decisivos na escolha do novo representante da Espanha no Eurovisión.

Sistema de votação do Benidorm Fest

Para eleger o representante do Eurovisión na Espanha, o Benidorm Fest dispõe de um sistema de votação híbrido, em que participa um júri profissional, representando 50% dos votos, o voto do público, recolhido por televoto e que representa 25% do total de votos, e um júri de pesquisa, ou seja, um grupo de pessoas anônimas ligadas à indústria da música que respondem por outros 25% dos votos.

Eurovisión: o que é e por que se celebra - Como é escolhido o representante de cada país no Eurovisión

Como é escolhido o vencedor no Eurovisión

O Festival Eurovisión tem regras próprias que determinam o sistema de votação com o qual será escolhido o vencedor da nova edição do concurso. Embora este sistema de votação tenha mudado e evoluído ao longo dos anos, o procedimento atual foi instituído em 1975, ou seja, o que hoje se mantém com ligeiras variações na composição do júri.

Em 1997 foi experimentado o televoto pela primeira vez e desde 2009 a votação é decidida distribuindo todos os votos em 50% para o televoto do país e os 50% restantes são resultado do voto do júri nacional do referido país.

As regras de votação são claras, ou seja, cada país participante (incluindo os países que participaram das semifinais, mas não chegaram à final), destrincha seus votos entre os 10 países que mais gostaram, distribuindo todos os pontos. Nesse sentido, são atribuídos 12 pontos ao representante favorito, 10 ao segundo mais apreciado do país e 8 ao seguinte. Depois, o restante dos pontos até chegar a 1 são distribuídos entre as demais candidaturas mais votadas. Claro, o próprio país nunca pode ser votado.

Quem forma o júri profissional

Cada país participante deverá formar um júri composto por 5 profissionais ligados ao mundo da música, rádio, coreografia e cenografia. Esses especialistas votam com base nos critérios estabelecidos pela UER. Os votos emitidos pelo júri profissional correspondem a 12 pontos para o favorito, 10 para o segundo melhor, 8 para o terceiro e sucessivamente os restantes pontos são distribuídos até ser atribuído apenas 1 ponto.

Os pontos emitidos pelo júri são anunciados durante o Festival Eurovisión por um porta-voz de cada país.

Como funciona o teletovo

50% dos restantes votos pertencem ao televoto, ou seja, qualquer telespectador desde 2009 pode aderir à votação, tendo sempre em conta que não pode votar no seu próprio país, mas sim nas restantes candidaturas. Este televoto pode ser exercido de diversas formas: através do app Eurovisión, por SMS (no máximo 20 vezes) ou pelo método tradicional: a chamada telefônica.

A televotação começa logo após a última música ter sido tocada e dura 15 minutos. Posteriormente, estes votos serão contados e representarão 50% do resultado final e a distribuição de pontos é feita exatamente como no júri profissional.

Se você gostou deste artigo, recomendamos estes outros sobre Como cantar melhor e Tipos de gêneros musicais.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Eurovisión: o que é e por que se celebra, recomendamos que entre na nossa categoria de Música.

Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Eurovisión: o que é e por que se celebra